Busca

fim de expediente

by rafa soares

Tag

livros

zóio de lula

Não, não virei fã de Charlie Brown Jr.
(aliás, to ouvindo Gov’t Mule – uma mistura de rock com blues -, muito bom, recomendo 😉 )

No título, eu me refiro aos olhos de uma lula específica (e não falo do nosso querido presidente-molusco). É o maior olho encontrado até hoje.

Só a lente é do tamanho de uma laranja. O olho em si é maior que um prato, desses de jantar.

Um dia acham as lulas gigantes do livro 20.000 léguas submarinas, com olhos do tamanho de calotas de carros. Só que lá não fala de qual carro. Pode ser um fusquinha ou um Hummer….

PS: No 2º link tem umas fotos bem legais, mas prepare-se: é nojento. Afinal, é uma lula… Você esperava o quê? Algo sexy?

Só que eu achei as lentes meio opacas… Será porque o bicho a bicha (é uma fêmea) tá morta há um bom tempo? Bom, não que haja muita coisa pra se ver a quase 2000 metros de profundidade…

PS2: Eu não li o livro. Li sobre as lulas gigantes em alguma revista. Então se eu falei besteira, perdoem-me…

novo aparato tecnológico

Texto muito interessante.

Em meio a todo esse alvoroço da informática, nos esquecemos das coisas mais simples e básicas que sempre garantiram informação e entretenimento.

Relatório Tecnológico

Anúncio de um dispositivo armazenador de conhecimento organizado embutido:
Built-in Orderly Organized Knowledge – também conhecido por B.O.O.K.

O BOOK é um avanço revolucionário na tecnologia: sem fios, sem circuitos eletrônicos, sem baterias, nada a ser conectado ou ligado. É tão fácil usá-lo que até uma criança pode operá-lo. Apenas vire a capa! Compacto e portátil, pode ser usado em qualquer lugar – até mesmo numa poltrona perto da lareira – com potência suficiente para armazenar tantos dados quanto num CD-ROM.

Veja como funciona…

Cada BOOK é composto de folhas de papel (reciclado) numeradas seqüencialmente, cada uma capaz de conter milhares de bits de informação. Estas folhas são reunidas num dispositivo chamado “encadernação” que as mantém na sua seqüência correta. A Tecnologia de Papel Opaco (TPO) permite aos fabricantes usar os dois lados da folha, duplicando a densidade de informação e cortando os custos pela metade.

Há controvérsias com relação aos futuros aumentos da densidade de informação. Atualmente um BOOK com mais informação simplesmente possui mais páginas. Isto pode torná-los mais grossos e difíceis de carregar, e já está ocorrendo uma crítica por parte do mundo da computação móvel. Cada folha é escaneada opticamente, registrando a informação diretamente no seu cérebro. Um movimento de dedo leva você à página seguinte. O BOOK pode ser levado para qualquer lugar e usado simplesmente abrindo-o. O BOOK nunca trava e nunca precisa de ser rebutado, embora, como outros equipamentos, possa tornar-se inutilisável se cair na água. Um dispositivo chamado “folhear” permite-lhe passar instantaneamente para qualquer página, indo para a frente ou para trás conforme sua necessidade. O BOOK pode ser provido de um dispositivo de “índice”, que aponta para a localização exata de qualquer informação selecionada para uma recuperação instantânea.

Um acessório opcional chamado “marcador” permite-lhe abrir o BOOK no ponto exato em que foi deixado na sessão anterior, mesmo que ele tenha sido fechado. Esses “marcadores” são universais, e portanto podem ser usados em qualquer BOOK de qualquer fabricante. Ademais, vários marcadores podem ser usados em um único BOOK se o usuário desejar guardar vários pontos de acesso. A quantidade de “marcadores” é limitada ao número de páginas.

O equipamento é ideal para armazenamento de longo prazo. Testes de projeção provaram que ele deve continuar sendo legível por vários séculos, e, devido à interface com o usuário extremamente simples, ser compatível com novas tecnologias de leitura.

Você pode tomar notas pessoais no próprio BOOK ao lado da própria informação com uma ferrmanta de programação opcional, chamada PENCILS (Portable Erasable Nib Cryptic Intercommunication Language Stylus). Portátil, durável e barato, o BOOK está sendo apontado como a onda de
entretenimento do futuro. O apelo do BOOK parece tão certo que milhares de empresas já se dispuseram a produzí-lo.

Muito bom!

Me fez lembrar de uma comunidade do orkut, da qual eu participo…

E então, vai comprar o seu BOOK? Eu já tenho vários, e vou comprar mais! 😀

Acima ↑